terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Contas, como organizá-las?!

Começo de ano é sempre a mesma coisa, contas e mais contas a pagar IPVA, IPTU, seguro obrigatório, colégio das crianças... os cabelos arrepiaram?! Calma, calma para tudo existe uma solução. 
Especialistas dão dicas para quitar tudo sem correr o risco de começar o ano endividado, para isso basta que você coloque na ponta do lápis todas as suas contas estipulando prioridades e principalmente economizando dinheiro com descontos por pagamento à vista. Vamos anotar as dicas?! 

  • IPTU: Roberto Vermatti, diretor de economia da Anefac, aconselha o pagamento à vista do IPTU, cujo desconto pode passar de 10% em alguns municípios. Caso você não tenha o dinheiro em mãos parcele mas NÃO DEIXE ATRASAR porque a multa varia de cidade para cidade e pode chegar até a 20% do valor MAIS juros, que vão de 1 a 2% ao mês.


  • IPVA: o desconto é menor, mas existe e pode chegar a até 5%, dependendo do estado. Se você não tem dinheiro em mãos pode pensar em sacar recursos da poupança e ou fundos de renda fixa e pagar esse imposto à vista. "As aplicações estão rendendo cerca de 0,5% ao mês, número menor que o desconto dado pelo pagamento à vista", diz Liao Yu Chieh, professor de finanças do Insper.


  • Licenciamento e Seguro Obrigatório: o valor do DPVAT para automóveis particulares subirá de R$ 96,63 para R$ 101,16, o mesmo que pagarão os táxis (categoria 2) mais a cobrança de 0,38% de IOF e de 4,15 pela emissão do bilhete somando um total de R$ 105,65. 
Para motocicletas, motonetas, ciclomotores e similares (categoria 9) o valor aumentará dos atuais R$ 274 para R$ 286,75. Com IOF e a taxa de emissão, o total será de R$ 292,01. Segundo a Seguradora Líder, responsável pelo DPVAT, as motos pagam mais devido ao maior número de indenizações para usuários desse tipo de veículo, mais expostos a acidentes.

"*** Parcelamento: automóveis e caminhões não poderão parcelar, visto que a parcela mínima é de 70,00 assim como também é vedado o parcelamento no primeiro licenciamento de qualquer veículo. Motos poderão parcelar e o pagamento ocorrerá junto ao pagamento do IPVA, benefícios estendido a vans, micro-ônibus e ônibus. 

Cada estado é responsável pelo seu parcelamento e em alguns não haverá opção de cancelamento ainda este ano. Para saber se terá essa possibilidade, consulte o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) da sua cidade." retirado do site: G1 - http://g1.globo.com/carros/noticia/2012/12/seguro-dpvat-tera-aumento-em-2013.html

*** Saiba mais sobre o DPVAT no site: http://www.dpvatsegurodotransito.com.br.

*¹ Amor estávamos falando sobre isso semana passa e resolvi pesquisar sobre o DPVAT aí no Rio... 

NOTA DA SECRETARIA DE FAZENDA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

ATENÇÃO: PROPRIETÁRIOS DE MOTOS, VANS, MICRO-ÔNIBUS E ÔNIBUS.
A Secretaria de Fazenda do Estado informa que, em função da Resolução nº 266, de 13 de dezembro de 2012, publicada em 14 de dezembro de 2012, do Conselho Nacional de Seguros Privados, Ministério da Fazenda, a emissão do boleto para pagamento do seguro obrigatório, DPVAT, para motos, vans, ônibus e micro-ônibus está sendo feita pela Seguradora Líder – DPVAT.
Os boletos, assim como as informações sobre o pagamento do parcelamento, devem ser obtidos por meio do sitewww.dpvatsegurodotransito.com.br/parcelamento.
Para os demais veículos, o boleto de pagamento do IPVA, já com o seguro e a taxa de vistoria inclusos, continua sendo emitido nos sites: SEFAZ (www.fazenda.rj.gov.br), Detran (www.detran.rj.gov.br) ou Bradesco (www.bradesco.com.br).




  • Material escolar: é importante pesquisar os preços e pedir desconto para pagamento à vista. Parcelamento no cartão SÓ em ÚLTIMO CASO. O importante aqui é EVITAR o atraso no pagamento da fatura, alerta Vertamatti, pois aqui os "custos são da ordem de 230% ao ano", afirma o diretor. 
*** pagar o colégio em dia pode ser a melhor opção podendo conseguir desconto na matrícula.



E para continuar o ano sem problemas com as demais despesas vão aí mais algumas dicas. Faça PLANOS e coloque tudo no caderninho, trace uma meta e corra atrás. Quer comprar uma casa, trocar o carro, sair de férias?! Faça tudo isso sem perder o controle das finanças.

*** Pegue seu caderninho, lápis e mãos à obra:
  • faça as contas do que ganha e de quanto precisa para pagar todas as contas mensalmente. Coloque tudo no papel contas pessoais, de casa, IPTU, aluguel se for o seu caso, supermercado, gás, água, luz, telefone... o restante será usado para as situações de lazer, vestuário, imprevistos, entre outros.
  • coloque também as despesas do dia a dia como cafezinho, almoço, lanche, gasolina... e ao final de uma semana passe esses gastos para uma planilha de organização financeira, analise e avalie quais são as despesas essenciais e quais são supérfluas, aquelas que poderão ser deixadas para mais tarde. 
  • faça isso todo o mês e perceberá que fazer economia não é nenhum bicho de 7 cabeças e o melhor verá seus sonhos CADA VEZ MAIS PERTO.
  • Siga esse modelo de planilha disponibilizado pela ibi: http://www.ibi.com.br/pdf/contas-da-casa.xls para colocar suas contas em dias e nunca mais passar aperto.



Fontes:
Notícias UOL;
MN - Meio Norte;
ibi.